Cartografia Escolar

A cartografia da sala de aula

Escala e Quadriculado

Eugênio Pacceli da Fonseca – junho, agosto, novembro de 2011 (revisto de quando em vez)

Cartografia Escolar: trabalhando ampliação e redução de escalas utilizando a técnica do quadriculado.

            

Alguém perguntou porque não trabalho aqui com as coordenadas geográficas, escala e cartografia témática inical. Minha resposta é: já há material demais sobre isso na internet. Aliás, quando a questão é mapa em sala de aula a primeira coisa que ocorre às pessoas é o estudo das coordenadas geográficas clássicas.

Tento colocar nesse espaço material que eu acho mais difícil de encontrar. Meu intuito é ajudar. Não pretendo aqui ensinar o que os professores já sabem. Mesmo porque seria inútil e redundante.

A técnica do quadriculado (grid method drawing)

Acho que o método de reproduzir, ampliar ou reduzir um desenho utilizando o quadriculado deveria ser ensinado pelo professor de Geografia, num trabalho conjunto com o professor de Artes (a todo momento nos deparamos com essa dobradinha, que tem tudo para dar certo: Geografia e Arte). Nós professores de Geografia lucraríamos bastante pois essa técnica trata, obviamente de manter, ampliar ou reduzir a escala do desenho original.

Credito ao preconceito o pouco uso dessa técnica entre nós professores de Geografia. É como se não confiássemos em ampliações e reduções feitos à mão (como se o pantógrafo fosse muito melhor!). Claro que qualquer erro de poucos centímetros quadrados em um mapa de um continente, significa um erro de muitos milhares de quilômetros quadrados no espaço real, mas estamos falando de Cartografia Escolar. Estamos falando em mapas que os alunos desenham: se erros assim não forem admitidos, toda Cartografia Escolar fica inviabilizada.

Como ensinar a ampliar, afinal?

Primeiro: seja ampliando o contorno africano abaixo ou a face do Cebolinha é importante lembrar: quadriculamos para facilitar o desenho.

Quadriculamos o desenho original e depois fazemos outro quadriculado com as medidas que desejamos. Mas se ao quadricular criarmos cinco filas de cinco quadrados  no desenho inicial o segundo quadriculado também terá cinco filas com cinco quadradinhos cada.

Entregue o mapa abaixo e peça: dobre o tamanho desse mapa. A escala dele é 1:140 000 000

              1:140 000 000

O aluno será instruído (e já terá visto o professor fazer no quadro) que para dobrar o tamanho do mapa como pedido, usando a técnica do quadriculado, ele deverá  quadricular o mapa que receber e depois fazer um outro quadriculado de tamanho dobrado em uma folha branca e para ela passar o desenho.

Então, quadriculando o mapa recebido:

.

..

Agora é fazer o quadriculado do tamanho desejado. Quero dobrar o tamanho do mapa, logo devo dobrar o tamanho do quadriculado (e, obviamente, de cada quadrícula). A escala do novo mapa será então de 1:70 000 000

.

.                                                                                                              1:70 000 000

..
A sabedoria é: ao pedir para que o aluno passe o desenho do contorno para a grade acima, que ele o faça com calma “quadrícula por quadrícula”. Há alunos que por terem habilidade de desenhar, querem fazer o desenho com rapidez  e acabam fazendo uma “marmota” de mapa. Essa técnica serve para quem sabe e para quem não sabe desenhar. O negócio é desenhar uma quadrícula, depois outra subsequente e assim até acabar. Se for necessário o aluno dividirá a quadrícula em outras quadrículas, de leve e à lápis para apagar depois.

Desenhando a primeira quadrícula

.

..

Agora a segunda:

Desenha depois a terceira quadrícula e assim sucessivamente. Note abaixo que subdividir uma quadrícula (como fiz de cinza claro) permite uma orientação melhor do traçado do novo mapa (“esse traço do contorno não chega à metade dessa “subquadrícula”…”):

..


.Eis aí ampliado ao dobro

  
         1: 70 000 000

……………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………………….

………………………………………………………………………

Trabalhando Escala

A técnica do quadriculado permite que se trabalhe bem o tema ampliação de escala. Veja o mapa abaixo.

Temos dois pontos e uma estrada em vermelho a ligá-los. Tentei desenhá-lo de tal forma que cada quadradinho tenha um centímetro de lado. Estabeleci que na escala dele, cada centímetro vale um quilômetro. Ou seja sua escala 1:1oo ooo.

                                                                                                   1:100 000

Sabemos, então, que entre o ponto A e B apontados pelas setas estão separados entre si por um quilômetro. Suponha que são dois postos de gasolina na tal estrada.

Ora, se você solicitar (tem gente cismada porque eu escrevo : “mande seu aluno”. Agora eu não mando, solicito!). Se você solicitar a seu aluno que dobre, como ensinou, a escala do mapa usando o método do quadriculado, teremos os passos já esclarecidos.

Sempre lembrando: reduza a velocidade dos afoitos, o desenho tem que ser quadradinho por quadradinho…

Veja que dobramos o tamanho do mapa. Se ele tinha dois centímetros de lado (um centímetro cada quadrado) agora ele tem quatro centímetros de lado (dois centímetros cada quadrado).

                                                                                                                    1:50 000

O aluno não precisa ser genial para perceber que os postos de gasolina A e B continuam separados por um quilômetro no espaço real, mas ele está vendo que no mapa seguinte eles estão mais separados que no mapa anterior. Antes, um centímetro os separavam, um centímetro representava um quilômetro. Agora dois centímetros os separam. Dois centímetros desenham aquele único quilômetro. Obviamente, então, nesse segundo e ampliado mapa um centímetro representa apenas meio quilômetro. Ou seja 1cm:0,5km. Essa é a escala nova, que fica expressa em centímetros assim:

1:50 000

Se dobrarmo o mapa acima  qual escala teremos?

Os dois postos de gasolina ficarão separados no mapa por 4cm, que representarão, então os 1000 metros (1,0 Km) . Ora se 4cm desenham 1000 metros, um centímetro desenha x. Mais uma regrinha de três:

4cm——– 1000 metros

1cm———   X

X= 1000/4

X= 250 metros

1cm: 250m

1: 25 000

Olha ele aí:

                                                                                                                 1:25 000

.

Esclareça sempre o obvio: ao ampliarmos a escala, aumentamos o tamanho do mapa, mas obviamente não alteramos o tamanho da área mapeada. O mapa maior e o mapa menor ilustram a mesma área. É como o mapa do Brasil, um menor, outro maior. No segundo mapa caberiam apenas mais detalhes, muitos mais do que os que caberiam no mapa de escala mais reduzida…

No excelente site “Você Sabendo Mais”, que eu recomendo aqui, eles sugerem a colocação de guias (letras em um lado e números em outro), à moda de coordenadas, como no jogo “batalha naval” , nas margens do quadriculado, para orientar o aluno no seu desenho. Faça isso caso considere necessário (sempre o será em mapas mais complexos). Veja abaixo e visitem o site:

 http://vocesabendomais.blogspot.com/2008/09/cartografia.html)   ao que parece ele foi removido (outubro 2011), mas a sugestão fica de pé.

2 Respostas to “Escala e Quadriculado”

  1. andressa said

    amei esse site tá mi ajudando muito!!VALEU

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 74 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: